Como lidar com a diminuição de budget?__

Os problemas gerados por diminuição de budget são bem difíceis de serem contornados. E atualmente, diante da crise econômica global, fruto da pandemia de Covid-19, fazer mais com menos se tornou rotina nas organizações. Mas como lidar com o chamado “orçamento enxuto”?

Planejamento é a palavra de ordem para se ter sucesso no controle orçamentário. Determinar quais ações serão executadas com antecedência, levando-se em consideração os recursos disponíveis e como serão alocados são iniciativas fundamentais para evitar surpresas.

Para isso, construa cenários: com menos, médio e mais recursos. E, a partir daí, trace metas. Essa é a melhor forma de você se preparar para evitar problemas com diminuição de budget. Isso porque foi elaborada uma estratégia para encontrar saídas para lidar com situações diferentes. 

Diminuição de budget: administre bem o fluxo de caixa

Um bom planejamento financeiro dependo muito do fluxo de caixa. É preciso organizar saídas e entradas de uma forma estratégica. Principalmente quando se trata de pagamentos, pois a falta de dinheiro para arcar com as contas gera muitos problemas, inclusive diminuição no budget. 

Uma das formas de organizar o fluxo de caixa é separando as contas, assim toda a organização consegue visualizar o que é imprescindível pagar. As contas fixas, por exemplo (salário dos colaboradores, aluguel etc) são de extrema importância.

Já as contas variáveis pedem um tratamento diferente, pois a demanda oscila de acordo com os pedidos feitos aos fornecedores; adoção de treinamentos, manutenções em equipamento etc. Ou seja, existe possibilidade de manobras se houver algum imprevisto orçamentário.

Agora, pagamentos de financiamentos ou dívidas são prioridades. Com os juros praticados no Brasil, as organizações comprometem seus negócios se essas contas não forem pagas. Por isso, não se deve investir sem um bom planejamento financeiro.  

Softwares gratuitos

Um dos grandes desafios dos gestores financeiros é identificar as movimentações monetárias no presente e seus reflexos a médio e longo prazos. Para evitar erros, existem atualmente softwares de fluxo de caixa bem eficientes, que permitem o acompanhamento da operação em tempo real.

Por isso, a adoção de softwares pelas organizações é crescente. Eles  oferecem múltiplas funções que agregam valor ao gerenciamento do fluxo de caixa. Afinal, fazem cálculos precisos e bem complexos em alguns segundos, além de gerar relatórios e projeções essenciais para a saúde financeira do negócio.

Pequenas e médias empresas podem contar até com versões gratuitas de software para agilizar o fluxo de caixa. Alguns exemplos: SIS Controle; RP Controle Financeiro; Hábil Empresarial; Bkper.

Antecipar pagamentos

Antecipar pagamentos também é uma boa estratégia para manter a saúde da empresa saudável. Claro que ter dinheiro em conta e evitar gastos desnecessários com multas ou juros é fundamental para o crescimento dos negócios. Mas aproveitar os descontos oferecidos pelos fornecedores e pagar antecipado é uma excelente forma de reduzir custos.

Como evitar lucro reduzido? Essa é outra preocupação recorrente das empresas brasileiras. Mas a falta de lucratividade não é só fruto da instabilidade econômica no País, que se agravou com  pandemia de Covid-19. Esse é um problema que as organizações enfrentam há anos por várias razões: não ter um bom controle do fluxo de caixa; despesas elevadas; má gestão de estoque; pagar antes de receber; não rever contratos; preços abaixo do necessário etc. Leia aqui a matéria

Gostou deste artigo? Confira mais em nosso blog e compartilhe nas redes sociais!

Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Open chat
Estamos online!
Olá 👋🏻
Podemos te ajudar?