Quais são as vantagens das contratações remotas?__

As contratações remotas ganharam força com a pandemia de Covid-19 e já caiu nas graças das organizações. Afinal, com os avanços tecnológicos, é possível realizar todo o processo de recrutamento de forma mais rápida e eficiente. Sem falar que a busca por talentos via Internet reduz custos para as empresas e amplia a seleção de candidatos.

Independente do porte, as companhias podem usufruir e muito com a seleção à distância utilizando plataformas especializadas em recrutamento e as redes sociais. O LinkedIn, por exemplo, se tornou a maior rede corporativa de interação entre profissionais e empresas. O ambiente ideal para recrutadores buscarem talentos, principalmente os menos acessíveis com cargos de liderança. 

Contratações remotas

Abaixo, você vai conferir algumas das principais vantagens das contratações remotas:

  • triagem de currículos utilizando sistemas automatizados;
  • selecionar candidatos via web: plataformas especializadas ou redes sociais
  • entrevistar profissionais e realizar testes online, sem que o candidato tenha que se deslocar até a empresa
  • fazer a contratação online via assinatura eletrônica

Triagem de currículos

A triagem de currículos é uma das etapas mais importantes na seleção de talentos. E para ter sucesso nesta tarefa, o setor de RH tem que começar elaborando o perfil do candidato ideal para determinada vaga. Saber claramente as características que o profissional deve ter para atender às demandas da empresa e as expectativas do colaborador em relação ao novo emprego.

Mas para ser mais assertivo ao elaborar o perfil da vaga, o recrutador deve conversar antes com o gestor da área e entender profundamente o que ele espera do candidato. Assim fica muito mais fácil descartar currículos que suspostamente se encaixariam na vaga. Outro ponto importante é contratar pessoas que se enquadram à cultura da organização, principalmente hoje que as formas de trabalho estão mudando com os avanços tecnológicos.

Agora, mesmo que a elaboração do perfil do candidato seja excelente, lembre-se que as pessoas não são perfeitas e dificilmente alguém irá preencher todos os requisitos necessários. Além do mais, os profissionais possuem características bens diferentes um dos outros e que devem ser levadas em conta: não se prenda a um “padrão”.

Entrevista online: prepare antes o candidato

Geralmente, os candidatos ficam ansiosos antes das entrevistas. E se forem realizadas à distância, com uma câmera ligada, o grau de ansiedade pode piorar. Portanto, ao iniciar um processo de seleção remota, pergunte ao profissional se ele se sente confortável com essa situação.

Antes da data marcada para a entrevista, envie um e-mail para o candidato com um link da plataforma que será utilizada, como Google, Hangouts, Skype, Zoom ou similares, que oferecem ambientes para reuniões pela Internet. Isso faz com que o profissional se sinta mais seguro, pois ele poderá testar antes o acesso.

Agora, por se tratar de um processo de seleção online, é importante pegar o feedback do candidato ao término de cada etapa. Conferir se suas dúvidas foram respondidas; se foi tranquilo pra ele ser entrevistado via câmera e não presencial; se ele acha adequado a contratação online etc.

Lembre-se que essa é uma nova forma de se interagir com profissionais e nem todos ainda estão preparados para processos de seleção online. Os mais jovens até devem preferir, mas não podemos generalizar e sim respeitar as limitações  de cada candidato.

Uma das formas de se aprofundar sobre esses e outros assuntos que envolvem a gestão de pessoas é debatendo com profissionais da área de recursos humanos. Participe do HR Trends – a reunião virtual terá cerca de 50 executivos. Clique aqui para saber mais.

Leia também: Executivos de Recursos Humanos não são mais os mesmos: virada de chave

Gostou deste artigo? Confira mais em nosso blog e compartilhe nas redes sociais!

Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Open chat
Estamos online!
Olá 👋🏻
Podemos te ajudar?