Investimentos das empresas nas áreas de TI em 2021__

Capa para o artigo no blog que fala sobre os Investimentos das empresas em 2021

Quais são as expectativas de investimentos das empresas brasileiras nas áreas de TI para 2021? Confira neste artigo e participe da pesquisa.

Pesquisa inédita no Brasil revela investimentos das empresas nas áreas de TI

Em meio à pandemia de Covid-19 que afeta a economia global, o setor de tecnologia da informação se torna cada vez mais imprescindível para as companhias nas soluções de problemas e nas novas formas de fazer negócios.

Mas quais são as expectativas de investimentos das empresas brasileiras nas áreas de TI para 2021?  

Pesquisa inédita no Brasil elaborada pela ebdi, em parceria com a Hitachi, não só revela estimativas de investimentos em TI de empresas de vários setores, como mostra quais estratégias foram adotadas para mudar e guiar os negócios.

O objetivo é traçar perfis e captar insights para que diretores, gerentes e heads de tecnologia da informação possam receber o maior número de informações confiáveis e identificar oportunidades.

A pesquisa iniciou, em fevereiro deste ano, com 55 diretores de tecnologia e atualmente já conta com a participação de 260 empresas nacionais.

A meta é captar informações de 2 mil companhias e, para isso, a ebdi tem enviado um questionário com 30 perguntas para profissionais das áreas de TI em todo o Brasil.

infografico explicando as metas e evolução da pesquisa inédita no brasil revela investimentos das empresas nas áreas de TI

Prioridade de investimentos

Para entender melhor a estratégia de cada empresa na área de TI (em 2021 e nos próximos cinco anos), a pesquisa levanta dados que possibilitam uma análise sobre a prioridade de investimentos em:

  • Cloud
  • Inteligência Artificial
  • Atualização de Data Center
  • Softwares de Virtualização
  • RPA
  • DataOps
  • ERP
  • CRM
  • Big Data
  • Integração de APIs

Valor do investimento em soluções tecnológicas e infraestrutura em TI também fazem parte do questionário.

Assim como o aumento da capacidade de armazenamento de dados, a adoção de BPO, o levantamento dos principais projetos em segurança, entre outros assuntos relevantes.

Confira, abaixo, uma pequena amostra das respostas apuradas até o momento sobre investimentos.

E no final da matéria, participe da pesquisa e receba, o relatório completo (com porcentagens e conclusões da pesquisa até o momento).

Em relação à privacidade de dados, a maioria das empresas participantes  concordou ao responder o questionário que as informações poderiam ser divulgadas.

Investimentos das empresas em 2021

Das 260 empresas que participaram da pesquisa até agora, cerca de 140 possuem mais de 2 mil funcionários e estimam investir em 2021 acima de R$ 4 milhões em suas áreas de TI – metade deste valor em soluções tecnológicas e o restante em infraestrutura.

Já os executivos das áreas de TI que trabalham em companhias com menos de 2 mil funcionários (entre 1 mil e 2 mil), responderam que as expectativas de investimentos giram em torno de 3 milhões em soluções tecnológicas e infraestrutura.

Outro dado interessante é que quando indagadas quanto aos investimentos em 2022, no comparativo com 2021, a maior parte das 260 empresas afirmou querer ampliar o orçamento em TI (as respostas variaram entre 15% e 80%).

Tendências tecnológicas

Cada um dos participantes também respondeu sobre tendências tecnológicas e quais julgava ser mais interessantes para sua estratégia profissional e corporativa.

Por exemplo, o quanto a Automação; Machine Learning, Inteligência Artificial; 5G; Blockchain são importantes para o futuro dos negócios.

Eles revelaram, ainda, quais são seus fornecedores de soluções tecnológicas de ERP; BI; Data Center e suas estratégias a curto prazo (exemplo: migrar, trocar fornecedor etc).

Esses são apenas alguns dados da pesquisa. Para receber o relatório  na parcial, com dados e porcentagens de prioridades de investimento em tecnologia no Brasil basta responder o questionário neste link.

Se você achou a pesquisa interessante, compartilhe a matéria em suas redes sociais!

Gostou deste artigo? Confira mais em nosso blog e compartilhe nas redes sociais!

Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter