Gestão financeira na era digital__

A gestão financeira na era digital tem muito a se beneficiar com as novas tecnologias. Tarefas antes complexas foram adaptadas e automatizadas tornando o controle financeiro mais rápido e eficaz. Sem falar na quantidade de arquivos e pastas que foram eliminados dos escritórios devido ao crescimento dos investimentos em computação em nuvem. Hoje, é possível acompanhar todos os dados da empresa em tempo real e sem restrições geográficas.

Os recebimentos, por exemplo, podem ser visualizados por intermédio de plataformas online. Uma excelente forma de o financeiro fazer a “previsibilidade”: programar, antecipar e negociar pagamentos. Outro benefício é o envio de notas fiscais por e-mail para quem realizou o pagamento. Além da agilidade, reduz o consumo de papel.

Gestão financeira eficiente

Agora, não adianta investimentos tecnológicos na área financeira sem o envolvimento dos gestores na operação e do apoio dos stakeholders. Uma gestão eficiente elaborada pelo setor depende da participação e do incentivo de todos. Não é à toa que a era digital mudou e muito o papel do CFO dentro das organizações. E os desafios desse profissional vêm crescendo com a crise pandêmica, que acelerou a transformação digital.

Até mesmo por uma questão de sobrevivência, as organizações tiveram que fazer mudanças operacionais rápidas, além de integrar o fluxo de informações de vários setores para mitigar ricos e encontrar soluções dentro de um cenário tão incerto. Leia matéria: Novo CFO: 40% das atividades não estão ligadas a área de finanças.

Para ganhar vantagem competitiva e superar a crise, o CFO tem papel decisivo dentro da organização. Ele precisa analisar o cenário atual e definir objetivos para criar novas soluções. Com as inovações aplicadas ao setor financeiro, por exemplo, é possível compreender a rotina dos clientes, suas preferências e o caminho que eles percorreram até a empresa.

E entender a jornada do cliente é um diferencial competitivo. Isso porque a transformação digital mudou a forma de as empresas se comunicarem com o mercado. Antes, a empresa buscava o cliente e hoje é ele quem decide qual marca ou serviço irá contratar.

Com as novas tecnologias, o consumidor está ganhando cada vez mais poder de voz no ambiente digital e se tornando extremamente exigente. O foco das marcas agora não é mais o produto e sim o ser humano. E sua trajetória como comprador, antes acompanhada somente pelo setor de marketing, passou a ser do interesse de toda a organização, o que inclui o departamento financeiro.

Crescimento sustentável

Na era digital, a gestão financeira se tornou crucial para o crescimento sustentável da empresa no mercado, o que se pode ser feito por intermédio de um excelente planejamento orçamentário, análise de dados e projeções para o futuro. 

Uma gestão de contas eficaz também garante o crescimento do negócio em um mercado tão competitivo e a utilização da Robotic Process Automation (RPA), por exemplo, tem trazido muitos benefícios para as organizações.

Afinal, não é fácil diminuir despesas e atingir bons resultados sem ter total controle dos gastos. E a automação de atividades com robôs, além de diminuir erros, contribui para o aumento da produtividade, otimização do tempo e gera vantagem competitiva. Leia mais aqui sobre o tema.

Uma das formas de se aprofundar sobre estes e outros assuntos que envolvem os serviços financeiros é dividindo experiências com profissionais da área. Participe do CFO – o Encontro digital terá cerca de 50 executivos.

Gostou deste artigo? Confira mais em nosso blog e compartilhe nas redes sociais!

Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Open chat
Estamos online!
Olá 👋🏻
Podemos te ajudar?