Peter Drucker: “a melhor maneira de prever o futuro é criá-lo”__

Peter Drucker: “A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo”, afirmou há décadas o pai da administração moderna. Afinal, para esse visionário, o cliente sempre foi prioridade em uma organização e não produtos ou serviços. E essa ideia revolucionária, defendida durante 75 anos de carreira em várias de suas obras, atualmente é o que garante o sucesso de um administrador em seus negócios.

Isso porque até meados do século 20, as empresas eram orientadas por uma cultura diferente, graças a fatores como o monopólio e a escassez de produtos concorrentes. Bastava, portanto, dominar um mercado, mesmo que fosse local, e abastecê-lo com produtos ou serviços, sem se preocupar com outras ofertas.

Já hoje, a concorrência é acirrada e o cliente está no centro das atenções. É ele quem busca via Internet produtos ou serviços que atendam suas necessidades. Por isso, a importância de as empresas conhecerem e compreenderem tão bem o seu público-alvo para poderem criar o que eles desejam.

As Startups, por exemplo, estão criando negócios impensáveis e rompendo fronteiras por entenderem as insatisfações e os desejos dos consumidores em vários setores do mercado mundial. Desbancando até organizações tradicionais, cujos gestores não conseguem enxergar essa grande mudança no marketing: foco no ser humano.

Leia a matéria: “4 dicas de ouro para marketing digital”.

Peter Drucker: “O Gestor Eficaz”

No livro, “O Gestor Eficaz”, Peter Drucker ensina como ser mais produtivo e indica algumas práticas específicas para os administradores terem sucesso no ofício. Confira a seguir:

  • Foque no que é preciso: frequentemente isso pode ser diferente do que você quer fazer no momento. Aceite apenas uma ou duas tarefas por vez, as outras você pode delegar.
  • Tenha certeza de que suas ações vão trazer benefício para a empresa: você está fazendo o melhor para sua organização? A empresa é o que mais interessa, e não os donos, o valor de mercado, os empregados ou os executivos;
  • Crie um plano de ação: conhecimento, sabedoria e especialidade são inúteis sem ação. Por outro lado, ação sem um plano é contra produtivo. Esteja pronto para mudar se as circunstâncias demandarem e verifique seu plano com frequência para ter certeza de que está funcionando;
  • Assuma responsabilidade por suas ações: garanta que seus colaboradores conheçam o plano de ação e todas as suas particularidades, incluindo os prazos. Determine quem vai fazer o que, quem isso afeta e quem deve ser informado e atualizado sobre o plano;
  • Comunique seu plano: isso inclui subordinados e superiores;
  • Procure oportunidades: veja as mudanças como algo a ser explorado, não como uma ameaça. Nunca permita que problemas atrapalhem oportunidades;
  • Conduza reuniões produtivas: reuniões podem ser muito úteis ou grandes perdas de tempo. Não existe meio termo. Ter reuniões produtivas requer disciplina. Por isso, finalize assim que você cumprir seus objetivos;
  • Oriente seu pensamento para o “nós”, não para o “eu”: o que é importante para você não é realmente relevante. O que importa mais é o que é valioso para sua organização.

Leia também: “Philip Kotler: Administração de Marketing”

Gostou deste artigo? Confira mais em nosso blog e compartilhe nas redes sociais!

Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Open chat
Estamos online!
Olá 👋🏻
Podemos te ajudar?