Dicas para estimular a criatividade__

A criatividade é uma habilidade humana que nos permite pensar, criar, inventar, produzir e fugir de tudo que se estabeleceu como padrão ou “natural”. Mas a maioria das pessoas apaga essa competência dentro delas ao se tornarem adultas. No livro: “Somos todos criativos”, Ken Robinson, reconhecido internacionalmente como a maior autoridade no tema, nos mostra como resgatar esse potencial criativo, uma aptidão extremamente necessária nos dias de hoje.

Robinson explora, na obra, o valor da criatividade para os negócios e oferece uma abordagem inovadora para recuperá-la. O bacana é que ele nos faz refletir sobre em que momento entre a infância e a vida adulta essa competência se apagou dentro de nós. Além de advertir como o sistema atual de educação está contribuindo para a perda da criatividade.

O autor nos ajuda a compreender também a importância de as organizações promoverem um ambiente de inovação para manter a criatividade viva. “Quanto mais complexo o mundo se torna, mais criativo precisamos ser para enfrentar seus desafios”, afirma Robinson.

E em plena era digital, as mudanças no mundo estão ocorrendo em ritmo acelerado. Novas tecnologias surgem a cada dia contribuindo para que as empresas da chamada “nova economia” criem modelos de negócios impensáveis. E para acompanhar essa realidade, as empresas tradicionais estão tendo que se reinventar, mas não é fácil ganhar vantagem competitiva sem profissionais criativos.

Livro: Somos todos criativos- onde encontrar: clique aqui

Como estimular a criatividade no trabalho?

Para inovar, você precisar saber escutar. Esteja aberto ao novo, trocar ideias ao invés de tentar solucionar os problemas sozinho. Antes de tomar decisões, escute sua equipe, seus colegas, essa é a melhor forma de valorizar as pessoas ao seu redor, além de estimular sugestões criativas.

E não faça críticas ou julgue nenhuma sugestão. Isso poda o poder criativo da equipe. Qualquer ideia é bem-vinda por mais absurda que pareça. Lembre-se que as startups criaram negócios inimagináveis e estão ganhando cada vez mais mercado.

E isso ocorre porque as startups têm a inovação na veia e estimulam a criatividade diária de seus funcionários. Seus colaboradores têm total apoio para desenvolverem projetos pessoais – dentro ou fora da organização.

Cultura organizacional inovadora

Mas para atrair e reter talentos criativos, a empresa precisa ter uma cultura organizacional inovadora, com ambientes mais flexíveis e em constante adaptação dando oportunidade para que seus colaboradores se expressem. Não é à toa que a gigante Apple se tornou uma referência mundial quando o assunto é vantagem competitiva.

Para Steve Jobs, co-fundador da Apple, a inovação acontece no campo das ideias e não hierarquicamente, além de não depender de altos investimentos financeiros. Ao criar, por exemplo, o Mac – um de seus produtos revolucionários – a concorrente IBM estava gastando na época muito mais que a marca para inovar. Leia a matéria: A mudança de hábitos pode transformar pessoas e empresas.

Criar espaços para “relaxar” dentro da organização também estimula a criatividade e traz bem-estar para os colaboradores. Essa é a melhor forma de interagir equipes.

Agora, ver o erro como uma oportunidade para atingir objetivos é, sem dúvida, a melhor forma de estimular a criatividade dentro das empresas. Portanto, se permita errar e não recrimine as falhas de seus colaboradores. Para as startups, por exemplo, cada erro é apenas um degrau para se chegar à inovação.

Leia também: Meditação no trabalho: tendência na Europa e EUA

Gostou deste artigo? Confira mais em nosso blog e compartilhe nas redes sociais!

Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Open chat
Estamos online!
Olá 👋🏻
Podemos te ajudar?